Caminhoneiro comete suicídio em Formosa-BA

Um fato lamentável aconteceu em Formosa, município de Macururé, no último sábado (28). Um caminhoneiro cometeu suicídio.


Ele carregou o caminhão no Rio Grande do Norte e seguia com destino à São Paulo. A carga era de melão.


No início do trajeto, o caminhão atingiu um buraco na pista e teve o radiador perfurado e um farol quebrado. Nervoso, com esse e outros problemas desconhecidos, o caminhoneiro entrou em contato com a família e também informou ao dono do caminhão que não estava em condições de trazer o veículo.


De imediato, o dono do caminhão embarcou em um avião, em São Paulo, e encontrou com o caminhoneiro na Paraíba. Os dois seguiram viagem, mas segundo o amigo, o parceiro estava bastante nervoso, inclusive falando em jogar o caminhão para fora da pista. Ao chegar nas proximidades de Formosa, o motor do veículo ‘bateu’. Esse fato deixou-o mais transtornado ainda.


Os dois chegaram ao povoado na sexta-feira, à tarde. No sábado de manhã, ele desapareceu. Deixou a chave na porta do caminhão, o celular encima de um pneu, pegou uma cinta de amarrar carga e saiu em direção à caatinga, sem que ninguém percebesse a sua intensão.


Quando o amigo notou o sumiço, pediu ajuda a populares para encontrá-lo. Os rastros dele foram seguidos e depois de alguns minutos de procura, ele foi localizado já sem vida, pendurado pelo pescoço por uma cinta que estava amarrada a um pé de umburana.


O caminhoneiro, além de outros problemas desconhecidos, manifestava muita preocupação com o prazo de entrega e também pelo fato do caminhão ter quebrado.


O corpo foi recolhido pela polícia técnica e levado para a cidade de Paulo Afonso.


Caminhoneiros sofrem uma grande pressão no dia a dia com o prazo de entrega, viagens baratas, risco de assalto, acidente, distância da família, pressão dos patrões e muitas outras coisas que podem levar a algum tipo de transtorno mental.


É o segundo caso ocorrido em Formosa. Há 2 anos, um homem de 58 anos de idade surtou e, mesmo acompanhado por familiares, fugiu de uma pousada enquanto todos dormiam, bateu na porta de um comércio dizendo ser o dono do estabelecimento e desapareceu. Apesar de várias buscas, os restos mortais só foram localizados vários meses depois, embaixo de um umbuzeiro.


Portal Formosa, o Portal do Sertão Baiano

1.jpg
Ótica_União_-_Portal_Formosa_-_Banner_La

PRECISA DIVULGAR ALGO? 

ANUNCIE NO PORTAL FORMOSA

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram ícone social

(75) 99850-9821

© 2020 - Portal Formosa - O Portal do Sertão Baiano - Site criado por Jucélio Rodrigues

TOTAL DE ACESSOS